O objetivo é claro: melhorar a eficiência e produtividade da frota de veículos, assim como potenciar o desempenho dos motoristas que nela operam. É esta a meta que todos os gestores de frota perseguem.

 

Para lá chegar, muitas decisões difíceis. Por vezes é necessário fazer escolhas que poderão não agradar a todos os elementos da empresa, nomeadamente os motoristas. Mas o mundo empresarial é mesmo assim (são as suas regras), o que faz com que nem todas as pessoas tenham perfil para desempenhar cargos de liderança.

Um gestor tem de ser líder, tem de ser assertivo e decidido, mesmo que em determinadas circunstâncias tenha de assumir o papel de Vilão.

Em determinadas ocasiões haverá quem fique insatisfeito com o caminho escolhido para a empresa, pois todas as decisões têm prós e contras. Nesses casos, o gestor só terá de se assegurar de que aquela decisão é a melhor para o futuro da organização.

O caso da Localização de GPS

É evidente que poderão existir motoristas que não se sintam muito confortáveis com o facto de existir um acompanhamento mais detalhado dos seus desempenhos (velocidade média, número e tempo das paragens, rotas seguidas…). No entanto, é bastante natural que uma empresa queira garantir que os seus recursos estão a operar da forma mais produtiva possível.

Neste caso especifico, a empresa deverá apoiar o gestor no momento em que este decidir explicar a decisão de instalar sistemas de localização por GPS aos motoristas. A explicação é bastante simples: A empresa pretende melhorar a produtividade e resultados dando, consequentemente, mais estabilidade ao seu futuro.

Como vê, não há razões para o gestor ser considerado vilão, não existindo por isso muitas possibilidades de ser convocado para o remake do filme “O Bom, o Mau e o Vilão”, realizado por Sérgio Leone em 1966.

 

AQUI

Conheça a solução de Localização de automóveis por GPS da Inosat

 

Um gestor de frota deve estar informado sobre a actividade da sua frota na estrada. Porque a informação é indispensável para qualquer ato de gestão.Mascarar os verdadeiros resultados da sua frota de viaturas não lhe trará grandes benefícios. Porquê? Bastam 3 pontos para lhe explicarmos